to top

O segredo das papinhas: caldo de carne caseiro

Quando comecei a introdução alimentar do João Henrique fui pesquisar sobre os ingredientes que poderia usar nas famosas papinhas. E foi aí que descobri essa receita apenas MARAVILHOSA, merece um caps lock da vida. Esse caldo de carne caseiro foi o que me salvou e fez o meu filho amar comer as papinhas que eu fazia pra ele. E por quê? Porque ela tem gosto! De verdade ninguém merece comer comida insossa. Eu até hoje uso pouco sal na nossa comida, mas uso esse caldo. Nunca mais comprei temperos prontos. Só uso ele, na nossa comida, na comida do João, na comida de todo mundo. Não pode ir sal na comida das crianças até 1 ano de idade. Mas temperos? É bom e todo mundo gosta, inclusive os bebês!

Ai vai a receita da Rita Lobo, do Panelinha.

Ingredientes

1 kg de músculo
1 kg de ossos de boi (como mocotó ou ossobuco, ou seja, pé ou canela)
4 l de água
2 cenouras
2 cebola
3 tomates maduros
1 talo de salsão (sem as folhas) caldo de 1 limão-taiti
1 colher (sopa) de azeite
2 ramos de tomilho
2 galhos de salsinha
1 talo de cebolinha (só a parte verde)
1 folha de louro

Modo de Preparo

1. Preaqueça o forno a 200ºC (temperatura média). Enquanto isso, coloque os ossos numa assadeira grande, regue com o óleo e espalhe com as mãos. Leve ao forno para assar por 45 minutos.

2. Prepare os outros ingredientes: lave e seque as cenouras, os tomates, o salsão e as ervas; descasque e corte as cebolas em cubos médios; descasque e corte a cenoura em rodelas; corte os tomates em metades e retire as sementes; fatie o talo de salsão. Dobre o talo de cebolinha ao meio duas vezes, junte o tomilho, a salsinha, a folha de louro e amarre com um barbante. Corte o músculo em cubos grandes.

3. Retire os ossos do forno e transfira para um caldeirão. Acrescente os pedaços de músculo e os legumes, o buquê de ervas e o caldo de limão. Regue com a água e leve para cozinhar em fogo alto.

4. Assim que ferver, abaixe o fogo e, deixe cozinhar por 4 horas, sem tampar. À medida que uma espuma for se formando na superfície, retire e descarte com uma escumadeira. Durante as 4 horas você não precisa ficar colada no fogão: a cada meia hora dê uma olhadinha.

5. Forre uma peneira com uma de fralda de pano limpa (ou utilize uma peneira de malha bem fininha), coloque sobre uma tigela funda e coe o caldo. Despreze os ingredientes. Deixe o caldo esfriar e transfira para potes de vidro com fechamento hermético, caso queira manter na geladeira por até 5 dias. Se preferir, distribua em forminhas de gelo ou copinhos descartáveis de café; quando congelar, transfira para sacos plásticos e conserve no freezer por até 3 meses.

PS 1: aqui em casa tiro o salsão e o aipo, por serem fortes e o JH teve alergia a estes dois temperos. Então se algum alimento der alergia, vá testando e retirando aqueles que “poderiam” ser os vilões. Ao invés de fazer as papinhas com a carne e legumes toda vez no caldo, eu colocava este caldo pronto e os legumes escolhidos. É maravilhoso!

PS 2: essa é a cara do JH de satisfação depois da refeição usando este caldo,. Ah, ele era pequeneninho aí nesta foto, e sempre usei o BLW, até para as papinhas. Ele comia sozinho. Sempre! <3

Façam e depois me contem o que acharam do caldo.

Beijos, com carinho!

Verô.

 

Verônica Muccini

Verônica Muccini é jornalista, mas brinca que tem a alma de Relações Públicas, porém foi na maternidade que descobriu o seu maior desafio. Divide as suas angústias, conquistas e trapalhadas com o pequeno João Henrique aqui no Depois da Chegada.

  • Leila Friolando

    Nossa que delícia! Vou tentar, a minha bebê tem 1 ano e dois meses mas come super mal, quem sabe assim, né?
    Amei o blog, vou acompanhar sempre!

    26 de março de 2017 at 01:33 Responder
  • Kate Willians

    Já sou crescidinha e ainda num sou mamãe mas confesso que fiquei com vontade de comer viu? parabéns pelo post e receitinha!

    26 de março de 2017 at 01:58 Responder
  • Beatriz Amorim

    Adorei a receita, e quem que não gosta de um caldo de carne?!
    Vou guardar essa receita pra quando tiver meu bebê. beijos flor

    26 de março de 2017 at 16:38 Responder
  • Mayara Maguini

    Ótimo post amore, vou passar essa receitinha para minha amiga, fazer para baby dela ^^
    seu filho e muito fofo
    beijinhos

    27 de março de 2017 at 15:50 Responder
  • Lais Marini

    Adorei a dica, não tenho filhos ainda mas tenho sobrinhos e isso vai me ajudar

    Bjs!

    28 de março de 2017 at 01:19 Responder
  • Vanessa

    Vê, amei a receita! Preciso compartilhar com a todas as mamães que conheço rsrs Muito boas as informações! E que fofura seu filho <3 Uma gracinha. Acompanho suas fotos do instagram e ele rouba muito a cena kkkkk Beeijos

    28 de março de 2017 at 21:28 Responder
  • Carol Polito

    Ahh eu amei quero testar aqui!! Depois te. Conto o que eu achei!! Ótima dica

    28 de março de 2017 at 23:10 Responder

Deixe o seu comentário...